CURTAS EDIÇÃO 2450

Curtas

Por: Redação | Categoria: Cidades | 21-10-2020 09:14 | 673
Foto de Reprodução

Cédulas falsas
Na última semana, em Paraíso alguns vendedores de cartelas para o sorteio de brindes, se queixaram ter recebido dinheiro falso na área central da cidade. A informação é alguns jovens procederam a compra e pagaram com cédulas de R$ 50,00. Pelo menos três vendedores amargaram prejuízos.

7 dias depois
Deu bochicho, o decreto expedido pelo prefeito Walker Américo pelo qual delegou competência a vice-prefeita Dilma Oliveira para praticar alguns atos administrativos, ao informar que no período de 15 a 25 deste mês, estará ausente de São Sebastião do Paraíso, em viagem. O decreto está datado de 8 de outubro, mas foi protocolado no dia 15 por volta de meio dia, exatamente data em que a vice-prefeita deveria assumir a Prefeitura.

Priorizou
Embora tenha se inteirado sobre o decreto no dia 15, quinta-feira passada, Dilma renunciou ao cargo de vice-prefeita, segunda, dia 19. A esta coluna ela explicou que assim ocorreu porque aguardava parecer jurídico. Dilma é candidata a vereadora, e se assumisse a Prefeitura por apenas um dia, estaria inelegível para a Câmara Municipal. Disse que preferiu priorizar a candidatura, de vez que a campanha está em andamento.

Criticada
A renúncia de Dilma Oliveira motivou comentários de vereadores na sessão de segunda (19/10). O entendimento é que ela deveria ter comunicado antes à Câmara. O presidente Lisandro Monteiro opinou que não havia necessidade de Dilma renunciar, bastaria não ter assinado documentos. Não se sabe se, no entanto, este é o entendimento da lei que rege o assunto.

De imediato
Walkinho, conforme comunicou à Câmara, e consta em decreto municipal, por motivo de viagem  se licenciou do cargo de prefeito do dia 15 até o próximo domingo, dia 25. Mas com a renúncia de Dilma a Câmara entendeu que o cargo ficou vago, e decidiu oficiá-lo para que reassuma imediatamente. O Jornal do Sudoeste entrou em contato com a assessoria do prefeito, e indagou qual o ponto de vista do prefeito sobre esse imbróglio.  Até o fechamento desta edição não obtivemos resposta.

Boa nova
Estudo do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações aponta bons resultados no tratamento da Covid-19, e pode estar à frente em relação à comprovação dos medicamentos capazes de reduzir a carga viral. O estudo teve a participação de 1.575 voluntários, em sete cidades do país, e os resultados foram anunciados em Brasília pelo presidente Bolsonaro e o ministro Marcos Pontes. A medicação utilizada é conhecida como Annita. O ministro foi um dos voluntários da pesquisa.

Na FIEMG
O presidente da FIEMG, Flávio Roscoe, recebe nesta quarta-feira, dia 21, às 14h00 o ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, para encontro empresarial na sede da FIEMG em Belo Horizonte. O ministro fará a palestra “A energia e a mineração e as suas contribuições para o desenvolvimento de Minas Gerais e do Brasil”.

Confirmado
O Supremo Tribunal Federal confirmou, por unanimidade, que o eleitor não pode ser impedido de votar, caso não tenha em mãos o título de eleitor, sendo obrigatória somente a apresentação de documento oficial com foto.