Classificados  Edição_Digital  Twitter  Facebook  Expediente  Fale_Conosco

   Notícias   Colunas   Na Web  

 ÚLTIMAS   Cidades   Cultura   Economia   Educação   Esporte   Mundo   Polícia   Política   COLUNAS   FOTOS 

São Sebastião do Paraíso - Minas Gerais - Brasil - 03:39

 

Publicada em 23/05/2013 às 17:33:00


NO FLAGRA

Homem acusado de pedofilia é preso em flagrante pela Polícia Civil em Paraíso

Redação

SAO SEBASTIAO DO PARAISO



 

Um homem foi preso na tarde de quarta-feira (22), em São Sebastião do Paraíso acusado do crime de pedofilia. A vítima faz parte de seu círculo familiar, uma pré-adolescente de 13 anos. Sem saber que estava sendo monitorado por policiais, ele a levou para um hotel, onde foi preso em flagrante. A proprietária do estabelecimento também recebeu voz de prisão.


Há alguns dias a menina vinha sendo assediada. O primeiro contato foi em bilhete deixado no qual anotou o número de um celular, sugerindo que ela ligasse. O acusado não se identificou. Depois passou a enviar mensagens para o telefone dela que segundo a delegada Rosaine Justino Lunardelo, serão verificadas pela perícia, mas numa avaliação inicial não há dúvidas sobre o assédio.


O fato chegou ao conhecimento da mãe da menina, e ligações foram feitas para o acusado. Usando o dispositivo viva-voz do telefone, e pelos assuntos tratados não houve dúvidas que se tratava de alguém próximo à família, e foi pedido providências à polícia.


Através de informações de um trabalho em parceria com o Centro de Referência Especializado de Assistência Social – CREAS – a delegada Rosaine, foi montado um plano. “Nós sabíamos que a menina se encontraria com este rapaz na praça da matriz (Comendador José Honório). Pedimos fotografia da vítima, vestes que estaria usando, e descrição do elemento”, explica.


Policiais foram colocados em pontos estratégicos no centro da cidade. “Identificamos o momento em que se encontraram e saíram a pé pela rua Dr. Placidino Brigagão, e determinei que ficássemos na observação, porque provavelmente ele entraria no local, e foi o que aconteceu”, informa Rosaine.


O acusado e a menor estavam no interior do quarto quando policiais chegaram. “Ele já estava tentando, mas não conseguiu os atos de libidinagem pretendidos” disse a delegada.


A proprietária do estabelecimento também foi presa em flagrante. “Está inserida em vários tipos do Código Penal, e do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), por favorecer o aliciamento e exploração de vulnerável” salienta a delegada. “Nós presenciamos quando foi feito o pagamento  pela hospedagem, sem sequer se pedir a identificação da menor, e há indícios que quartos são alugados sem a menor observância legal”, complementa.


Segundo a delegada, o suspeito de pedofilia será autuado acusado por tentativa de estupro de vulnerável e também por corrupção de menor. A pena prevista para este crime é de 8 a 10 anos de detenção.


 


 

Tags: civil  flagrante  hotel  Paraíso  pedófilo  polícia 

 

 

VOLTAR     TOPO     IMPRIMIR


 

 

 

Outras Notícias

 

 

 

 


 

 

Mande sua noticia para o Jornal do Sudoeste

@jornaldosudoeste siga e receba as principais notícias da região

Mande suas sugestões e criticas para o Jornal do Sudoeste

Saiba quem faz o Jornal do Sudoeste

 

 

 

© Copyright 2014 Jornal do Sudoeste - Todos os direitos reservados