SAÚDE ANIMAL

ASCITE (“BARRIGA D’ÁGUA”)

Por: Rogério Calçado Martins | Categoria: Saúde | 04-04-2017 21:04 | 1091
Foto de

Popularmente chamada de “barriga d’água”, a ascite é definida como acúmulo de líquido no interior da cavidade peritoneal. Casos com presença de ascite indicam processo patológico subjacente. 
As causas mais comuns de ascite em cães e gatos estão relacionadas à várias enfermidades. Alguns exemplos são: *Peritonite; *Insuficiência Cardíaca Congestiva; *Doença Hepática;  *Doença Renal;  *Algumas neoplasias;  *Hemorragia por traumatismos.
No diagnóstico, o Médico-veterinário realiza exames clínico e físico para avaliação do paciente como um todo. É primordial o exame de mucosas, tórax e abdômem, assim como a visualização e, em alguns casos, a análise laboratorial do líquido intra-abdominal (colhido através de punção estéril). São realizados, também, exames hematológicos, além dos exames de visualização interna, como radiografia e ultrassonografia.
Algumas condições físicas e clínicas podem “imitar” o aspecto de animal ascítico, como: Hepatomegalia (aumento do tamanho do fígado); Esplenomegalia (aumento do tamanho do baço); Obesidade; Neoplasias volumosas; Piometra (infecção do útero); Gestação; Constipação avançada.
O sucesso do tratamento irá depender da causa exata da ascite, sendo o ideal descobrir essa causa e, desse modo, diminuir o desconforto do paciente e tentar o controle ou a cura do processo (se possível).
*ROGÉRIO CALÇADO MARTINS
– médico-veterinário – CRMV/MG 5492
*Especialista em Clínica e Cirurgia Geral de Pequenos Animais (Pós-graduação “lato sensu”)
*Membro da ANCLIVEPA (Associação Nacional de Clínicos Veterinários de Pequenos Animais)
*Consultor Técnico do Site  www.saude animal.com.br
*Proprietário da Clínica Veterinária VETERICÃO (São Sebastião do Paraíso/MG)