HOMENAGEM

Câmara presta homenagem à família Spósito

Por: João Oliveira | Editoria: politica | 28/06/2017 | Visualizações: 1780

Vereador Tatuzinho, Alexandre Souza e sua esposa, Maria das Mercês em homenagem a família Spósito - Foto de ASSCAM

A Câmara Municipal, por iniciativa do vereador Paulo César de Souza (PHS), o Tatuzinho,  prestou  em sessão de segunda-feira, 26/6, uma homenagem à família Spósito pelos 106 anos da tradicional Sorveteria Spósito. Em sessão, foi lido um histórico sobre a família italiana que já está em sua quinta geração de mestres sorveteiros.
Familiares e amigos estiveram presentes. Foi entregue ao senhor Alexandre Souza, uma moção de congratulação. Conforme destacou o vereador Marcelo de Morais, a saga da família Italiana de destaca no cenário nacional por ser a quinta geração de mestres sorveteiros à frente da tradicional Sorveteria Spósito, com 106 anos de história.
Emocionado, à frente da Sorveteria há 60 anos, Alexandre agradeceu a homenagem. “Quero agradecer ao presidente desta casa e demais componentes, destacando o vereador Paulo César de Souza, que teve a feliz ideia de não deixar morrer nossa história da Soverteria Spósito. Meu muito obrigado a todos”, disse.

 

O HOMENAGEADO
Alexandre Souza, casado com Maria das Mercês e pai de Mário, Alexandre, Pascoalina, José Maria e João. É filho de Benedito Souza Vieira e de Nanina Spósito Vieira. Alexandre, de 86 anos, nasceu em São Sebastião do Paraíso no dia 13 de outubro de 1930. Ele cresceu dentro da Sorveteria Spósito, criada pelo seu avô, o italiano João Spósito.
Alexandre começou a trabalhar aos 14 anos na oficina Chevrolet do falecido Fúlvio Guidi. Aos 16, furou os quatro poços artesianos na Logoinha, solucionando um grande problema de abastecimentos que existia à época.
Antes de completar 18 anos, já trabalhava para o Governo de Minas, em Belo Horizonte, na Secretaria da Agricultura, no serviço de sondagem. Foi para Itapecerica em 1948, onde executou seu primeiro serviço pelo Estado, e permaneceu por três anos. Alexandre trabalhou nas cidades de Lamoiniere, Camacho, São Sebastião do Curral e em Companhia Nacional do Grafite, com perfuração de poços artesianos. Ele também fez uma ponte em Lamoiniere e a base da ponte sobre o rio Lambari, em Itapecerica.
Por motivos políticos e a pedido do Presidente da Assembleia, José Ribeiro Pena, Alexandre saneou as finanças da Prefeitura de Itapecerica, modificando o modo de recebimento e pagamento, de forma e deixar a prefeitura em dia, cobrando impostos atrasados e de quem nunca havia pagado, o que causou mal-estar nos devedores que tentaram denegri a sua imagem.
Alexandre também fez parte da diretoria do Clube local, inovando-o com a compra de um aparelho de som, cortinas e outros benefícios. Ele passou a ser também o homem de confiança do doutor Ribeiro Pena, que o indicou para ir para Diamantina, terra natal do então governador Juscelino Kubitschek de Oliveira, com cargo de confiança, pelo Palácio da Liberdade.
Ele também prestou serviços pelo Estado em diversas cidades de Minas até 1957, quando voltou para São Sebastião do Paraíso,  para ficar junto com a mãe à frente da Sorveteria e abriu um comércio de eletrodomésticos e fornecimento de gás de cozinha. Alexandre de casou-se com a senhora Maria das Mercês em 1958, em Formiga, e desse casamento, que já dura há 59 anos, nasceram seus cincos filhos, que lhes deram 9 netos. Há 60 anos Alexandre conduz a Sorveteria Spósito.

GRÁFICA E EDITORA DR LTDA

  • Av. Monsenhor Mancini, 212 - Sala 1
    Centro - São Seb. do Paraíso, MG
    CEP: 37950-000
  • E-mail: jornalsudoeste@yahoo.com.br
  • Website: www.jornaldosudoeste.com.br
  • Telefone: (35) 3531.1897