DIA DO PSICÓLOGO

Em comemoração ao Dia do Psicólogo, especialista comenta principal desafio da profissão

Por: João Oliveira | Editoria: saude | 24/08/2017 | Visualizações: 453

- Foto de Reprodução

No dia 27, é comemorado no Brasil o Dia do Psicólogo, em face a promulgação de lei de 1962 que regulamentou a profissão no país. Apesar de parecer recente a profissão, o primeiro laboratório de Psicologia foi fundado em 1879, pelo médico, filósofo e psicólogo alemão, Wilhelm Wundt. Passados 138 anos desde o "nascimento" da profissão, o profissional da psicologia ainda enfrenta desafios, entre eles a valorização do profissional psicólogo. 
É o que aponta a psicóloga Patrícia Gonzáles Chicaroni, que ressalta que, deste então, a sua classe é lembrada pelos esforços dos profissionais de várias áreas do conhecimento pela Constituição da Psicologia no Brasil. Em comemoração a data, será promovido em São Sebastião do Paraíso, no domingo (27/8), palestra com a psicanalista da Sociedade Brasileira de Psicanálise de São Paulo e de Ribeirão Preto, Ana Rita Nuti Pontes, no plenário da Câmara Municipal, com apoio da Unimed.
Conforme a especialista, a Psicologia tem conquistado um espaço importante na sociedade e, o que anteriormente entrava apenas em clínica psiquiátrica, escolas e empresas, agora atinge áreas como hospitais gerais, esportes, comunicação e jurídico. "Desde o início, a Psicologia pode ser compreendida como uma ponte entre a filosofia e a fisiologia, através do estudo dos processos mentais que influenciam tanto no nosso corpo como em nosso comportamento, em qualquer contexto da vida", comenta.
De acordo com Patrícia, o principal desafio da Psicologia no momento se diz respeito a valorização do profissional, que não é preparado por mais de cinco anos de estudos só para a escuta terapêutica, mas principalmente para ajudar o indivíduo a se conhecer e entender suas particularidades, através da fala, do comportamento, dos hábitos e, principalmente, das manifestações do inconsciente.
"E isso não é nada fácil. Hoje se percebe pouco preconceito em relação ao tratamento psicológico, devido ao grande avanço da tecnologia e a internet, as pessoas estão tendo acesso à importância do Psicólogo na vida como um todo. Acho que o dito popular "Psicólogo é para louco" está mais relacionado à resistência do indivíduo em se conhecer e viver mais feliz, do que o sentido em si da frase", completa.

GRÁFICA E EDITORA DR LTDA

  • Av. Monsenhor Mancini, 212 - Sala 1
    Centro - São Seb. do Paraíso, MG
    CEP: 37950-000
  • E-mail: jornalsudoeste@yahoo.com.br
  • Website: www.jornaldosudoeste.com.br
  • Telefone: (35) 3531.1897