VÍTIMAS

Rede de atenção às vítimas de violência sexual está sendo estruturada em Paraíso

Por: Roberto Nogueira | Editoria: saude | 13/12/2017 | Visualizações: 8670

- Foto de Reprodução

Representantes de setores da Prefeitura de São Sebastião do Paraíso e órgãos ligados ao enfrentamento e atendimento às vítimas de violência sexual se reuniram na tarde de segunda-feira (11/12), para montar o fluxograma da Rede de Atenção à Pessoas Vítimas de Violência Sexual no município. A ação contou com o apoio da Referência Técnica em Violência Sexual da Superintendência Regional de Saúde (SRS) de Passos, Márcia Silva.
A técnica da SRS falou da satisfação em estar novamente no município para discutir um assunto tão relevante. “Paraíso é referência em atendimento e agora também está se tornando modelo na estruturação de conselhos e redes de enfrentamento”, destacou Márcia.
A estruturação da Rede é um trabalho conjunto das secretarias municipais de Saúde e a de Desenvolvimento Social. O objetivo é reforçar as ações de enfrentamento à violência sexual e também prestar assistência especial às vítimas, desde o acolhimento até a coleta de vestígios da violência sofrida.
A Santa Casa terá um papel fundamental neste processo. Ela será a porta de entrada para este público, que terá prioridade de atendimento através de um código na cor lilás. “A nossa intenção é fazer com que o atendimento às vítimas de violência sexual seja menos burocrático e mais humanizado. Nós começamos o trabalho com as mulheres e agora estamos estendendo a todas às vítimas”, disse a vice-prefeita e secretária municipal de Desenvolvimento Social, Dilma de Oliveira.
Até a próxima sexta-feira (15/12), as instituições envolvidas, como o Conselho Tutelar e o da Mulher, as polícias Civil e Militar, a  Guarda Municipal, a Vigilância em Saúde, o Departamento de Infectologia, a Unidade de Pronto Atendimento (UPA), o Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas) e o Ambulatório Municipal, apresentarão planos de trabalho, destacando cada um o seu papel na Rede de Atenção à Pessoas Vítimas de Violência Sexual. O secretário municipal de Saúde, Wandilson Bícego, destacou a importância deste trabalho, ressaltando que ele redefine o funcionamento do Serviço de Atenção às Pessoas em Situação de Violência Sexual no âmbito do Sistema Único de Saúde (SUS) e estabelece diretrizes para o atendimento feitos pelos profissionais de segurança pública e do serviço social. 
(Secom Prefeitura).

GRÁFICA E EDITORA DR LTDA

  • Av. Monsenhor Mancini, 212 - Sala 1
    Centro - São Seb. do Paraíso, MG
    CEP: 37950-000
  • E-mail: jornalsudoeste@yahoo.com.br
  • Website: www.jornaldosudoeste.com.br
  • Telefone: (35) 3531.1897