CRÔNICA - Joel Cintra Borges

Não cace quem você não pode cassar!

Por: Joel Cintra Borges | Editoria: cultura | 13/01/2018 | Visualizações: 4456

- Foto de Reprodução

Tenho acompanhado com imenso desgosto os julgamentos do Sr. Luiz Inácio Lula da Silva pelos noticiários da TV. Dezenas de testemunhas, entre políticos, marqueteiros, donos das maiores empreiteiras do país, depondo sob juramento, afirmam categoricamente que o cabeça, o chefe de todo esse imenso esquema de corrupção em todas as grandes obras no Brasil, nos últimos anos, principalmente na Petrobrás, era o “Sr. Lula”.
Não apenas uma testemunha, mas, dezenas, falando a mesma coisa, mostrando dados, como fez a Odebrecht, que trazia tudo contabilizado, uma vez que tinha até um “departamento de propina”! Entretanto, nada tem valor. Com seu caríssimo exército de advogados, pagos com nosso dinheiro, o ex-presidente simplesmente nega, afirmando-se “a pessoa mais honesta do Brasil.” Para que servem dez testemunhas, se basta sua negativa para invalidar toda e qualquer acusação?
O mais grave de tudo é que chegou o ano eleitoral. Lula conseguiu driblar a Justiça (se é que se pode chamar de Justiça a maneira frouxa como ele foi tratado, mesmo quando ironizava juízes e promotores) até chegar a fase da disputa presidencial. Nessa hora ele ganhou força, porque, com a crise que o país atravessa, ele acena para o povo com a “era Lula”, os tempos em que ele e sua sucessora jogavam dinheiro para cima, gastando de maneira desvairada (até com obras em Cuba, Venezuela e África). O dinheiro acabou, o país está endividado, hospitais, escolas, sistema de segurança, está tudo sucateado. Tudo fruto da era PT(infelizmente a maioria do povo não entende isso).
Dias atrás, o país, que já perdera em 2015 o Selo Internacional de Bom Pagador, foi rebaixado mais três degraus, fazendo companhia agora a Honduras e Bangdalesh. Nosso selo agora é de “investimento de risco”, o que afasta qualquer empresa de bom senso de investir em nosso país. Ficamos à mercê dos agiotas internacionais, dispostos a correr riscos desde que recebam altas taxas de juros!
Dia 24 de janeiro próximo, o Sr. Luiz Inácio Lula da Silva vai ser julgado de novo, agora em segunda instância, uma vez que já foi condenado a nove anos e meio de prisão pelo Dr. Sérgio Moro. Mas, já se notícia que ele, mesmo que condenado de novo, não será preso até que se extinga o último recurso processual, o que deve ocorrer lá pelo ano 2050! Por que, se nem foro privilegiado ele tem? Para que tanta escola de Direito no país, tantos e tão doutos juízes, se uma aberração dessas não apenas vais acontecer, mas, já está até anunciada? Ainda bem que Thémis, a deusa da justiça, usa uma venda nos olhos. Certamente é para não ver essas coisas! 
Dessa forma, podemos preparar-nos para outra era PT, com os companheiros José Dirceu, José Genuíno, companheira Dilma, os companheiros militantes e os sem-terra. Todos sob a batuta do comandante Lula!

GRÁFICA E EDITORA DR LTDA

  • Av. Monsenhor Mancini, 212 - Sala 1
    Centro - São Seb. do Paraíso, MG
    CEP: 37950-000
  • E-mail: jornalsudoeste@yahoo.com.br
  • Website: www.jornaldosudoeste.com.br
  • Telefone: (35) 3531.1897