CURTAS

CURTAS EDIÇÕES 2177

Por: Redação | Editoria: cidades | 10/02/2018 | Visualizações: 1210

- Foto de Reprodução

BOA NOVA
Depois de aprovado na Câmara Municipal de Paraíso, o projeto que prevê a implantação de um campus da Universidade Federal de Lavras (Ufla) em São Sebastião do Paraíso deu mais dois importantes passos. Primeiro houve a aprovação do Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão da Universidade. Na noite de quinta-feira foi a vez do Conselho Universitário também emitir parecer favorável por 34 votos favoráveis, contra dois. Próximo capítulo é a obtenção dos recursos que deve vir do Governo Federal.


AZEITADO
A esta coluna o deputado Carlos Melles lembrou que destinou emenda parlamentar para esta finalidade. Com ar de quem sabe onde põe o pé, adiantou que até meados de março o ministro da Educação, Mendonça Filho, que também é filiado ao DEM, poderá vir a Paraíso anunciar oficialmente a liberação “dos cobres” para a implantação do campus da UFLA. 


ALVEJADO
O prédio da Prefeitura de São Sebastião do Paraíso foi mais uma vez alvejado por uma bala de arma de fogo, no final da tarde da última quinta-feira,8. Por sorte ninguém se feriu porque o expediente já havia se encerrado e os funcionários em sua grande maioria já haviam deixado o recinto. A bala perdida foi na troca de tiros em bandidos e policiais após uma frustrada tentativa de roubo a uma casa lotérica das imediações. O vidro da entrada dos fundos ficou estilhaçado. 


DE NOVO
Esta é a segunda vez em pouco menos de quatro anos que a Prefeitura vira alvo dos bandidos. Na outra ocasião houve uma tentativa de roubo do carro do ex-prefeito, do mandato anterior. Durante a abordagem também houve o disparo contra o alcaide que atingiu uma parede próxima a garagem do Executivo. Mais liso que quiabo, saltou uma das janelas para dentro do prédio e se abrigou atrás das paredes. Posteriormente os acusados foram presos em Ribeirão Preto, pelo Polícia Militar Paulista. 


CHAMADA
A Prefeitura de Paraíso está pagando neste sábado,10, os salários dos servidores municipais que recebem até R$ 2.500,00 e também dos funcionários que recebem salários com recursos vinculados, em sua totalidade. Parte dos que tem os vencimentos ligados a Atenção Básica também estão com o dinheiro na conta. Isso porque o Governo do Estado está aos poucos regularizando os repasses dos recursos que antes estavam sendo retidos, inexplicavelmente. Isso é fruto das pressões sofridas e das mobilizações feitas na semana passada. 


FPM
Por falar em repasse na última sexta-feira,9, foi creditado na conta das prefeituras, pelo Governo Federal, o repasse do Fundo Municípios (FPM), referente ao 1º decêndio de fevereiro. O montante totaliza R$ 6,121 bilhões, já com os descontos do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica (Fundeb). Em valores brutos, o primeiro repasse é de R$ 7,651 bilhões. No caso município paraisense o valor bruto recebido foi de R$2.653.939,63, deste montante são feitos descontes obrigatórios referente ao Fundeb (20%), Saúde (15%) e Pasep (1%) segundo estimativas da Confederação Nacional dos Municípios (CNM). Com isso sobra em valor líquido a quantia de R$1.698.521,36. Em 2016 em igual período o município recebeu R$ 2.383.361,45, em valores brutos.


CONCURSO
Depois que a Câmara Municipal de Paraíso recebeu a notícia da Polícia Civil sobre a impossibilidade de melhorar o efetivo em Paraíso, deixando desesperançados quem achava que o problema seria solucionado apesar do empenho dos vereadores, em especial do presidente Marcelo Morais, há agora uma luz no fim do túnel. O Governo de Minas Gerais acaba de anunciar que fará concurso público para a Polícia Civil no Estado. Estão sendo disponibilizadas 76 vagas para delegado. Expectativa se lá no final do ano após todos os trâmites, possa algum dos aprovados ser designado para os lados de cá. É sabido que o déficit é geral. 


FOLIA
Muitos paraisenses estão deixando a cidade neste final de semana prolongado de carnaval. Os destinos são os mais variados. Muitos estão pegando a MG-050 em direção aos ranchos na região de Furnas e também para a festa em Capitólio. Outros seguem em destino a Itamogi, Monte Santo de Minas e Muzambinho, pela BR-491. Ainda há os que preferem outros lugares e caminhos rumo as folias da região ou mesmo para quem quer um pouco de sossego. Para os que ficam está difícil encontrar o que fazer, além de descansar. 


LICITAÇÕES
Dois importantes processos de licitação que foram abertos pela Prefeitura de Paraíso começam a caminhar em ritmo próprio. Um deles trata da contratação de agência de publicidade onde desta vez há pelo quatro empresas participando do certame. No ano passado, apenas uma agência havia se habilitado e o processo foi descartado por falta de concorrência. Outro processo refere-se a licitação do transporte coletivo. O trâmite estava parado no Tribunal de Contas onde houve parecer de que não ilegalidade como se alardeou e tudo agora caminha para a fase final. 


MANIFESTAÇÃO
Na próxima sexta-feira,16, está agendada para acontecer em São Sebastião do Paraíso mais uma manifestação contra os preços de combustíveis que vem sendo praticado pelos postos instalados na cidade. Na segunda-feira dia,5, houve uma movimentação pela cidade onde os manifestantes percorreram alguns postos e abasteceram pequenas quantias e exigiram nota fiscal. A nova mobilização terá concentração em frente ao parque de exposições, a partir das18 horas. 


INVESTIGAÇÃO
O presidente Michel Temer l determinou que a Polícia Federal e o  Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) investiguem e apurem a existência de cartel em postos de combustíveis. A informação é de que não está havendo redução no preço repassado ao consumidor. A queixa é de que os postos não têm acompanhado a política de preços da Petrobras quando a estatal reduz o valor dos combustíveis. Quanto é para aumentar, a mudança é da noite para o dia.


NESSE MATO...
A respeito dessa decisão do presidente da República, não é de hoje que se vislumbra em São Sebastião do Paraíso a existência de um cartel no controle de preços de combustíveis, e vez por outra esta coluna sugeriu ao Ministério Público e ao Procon municipal que se interessassem pelo caso. Até hoje batemos em ferro frio. O questionamento é o porquê da gasolina e etanol custarem bem mais que em outros municípios mineiros, por exemplo Passos e Uberaba. Ou será que os impostos estaduais nesses municípios são diferentes que em Paraíso, ao que consta no mapa, também cidade mineira?


XILINDRÓ
E ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal, botou creolina no arroz doce do ex-presidente Lula, negando-lhe liminar para evitar beber café de canequinha no xilindró, após condenação. O ministro decidiu ainda submeter ao plenário, o pedido de habeas corpus.

GRÁFICA E EDITORA DR LTDA

  • Av. Monsenhor Mancini, 212 - Sala 1
    Centro - São Seb. do Paraíso, MG
    CEP: 37950-000
  • E-mail: jornalsudoeste@yahoo.com.br
  • Website: www.jornaldosudoeste.com.br
  • Telefone: (35) 3531.1897